segunda-feira, 25 de setembro de 2017


Pré-inscrições nos Cursos de Português (outubro 2017 - janeiro 2018)

Centro de Língua Portuguesa em Barcelona


O período de pré-inscrições nos cursos língua portuguesa no Centro de Língua Portuguesa em Barcelona encontra-se aberto até 4 de outubro de 2017.

Níveis:
Inicial1 - Avançado 2 - de segunda a quinta-feira (50 horas)
Avançado 3 (conversação) - sexta-feira (24 horas)

PREÇOS:
300 EUROS (50 horas)
180 EUROS (24 horas)

LOCAIS:
Consulado Geral de Portugal em Barcelona                                                                       (Ronda de Sant Pere, 7, Barcelona)
CEDESCA - Centre d'Estudis Catalunya
                (Carrer de Pelai, 42 2ª Planta, Barcelona)

Pré-inscrição até dia 4 de outubro (online):
Formulário em Português: https://goo.gl/forms/ubZGZW3E2nxKnyqG2
Formulário em Catalão: https://goo.gl/forms/swleN7MaWFCcW8Ev2
Formulário em Castelhano: https://goo.gl/forms/aoXgKrwRMwCGGQn52


Para mais informações: http://pagines.uab.cat/centrodelinguaportuguesacamoes/pt-pt/node/287

segunda-feira, 11 de setembro de 2017


Projetos Simplex + do Camões, I.P. - Spots da RTP Play

Com o intuito de divulgar o trabalho que vem sendo realizado no âmbito dos projetos Simplex + do Camões, I.P., disponibilizamos os spots da RTP Play  dedicados à APP Elearning Camões e ao Arquivo Digital Camões, emitidos no programa “Minuto Cidadão” da Antena 1 da RTP no passado 1 e 7 de agosto respetivamente.
APP Elearning Camões
Arquivo Digital Camões 



segunda-feira, 4 de setembro de 2017

2.º Encontro de Professores do Ensino de Português no Estrangeiro

Decorreu no dia 24 de julho de 2017, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, o 2.º Encontro de Professores do Ensino de Português no Estrangeiro sob o lema “Aprender e Ensinar Português em Contextos Multilingues”, organizado pelo Camões, I.P.

O Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, defendeu, na sessão de abertura, que a ligação das comunidades portuguesas à sua língua e cultura “é complementar” à boa integração nas sociedades de acolhimento e representa “uma competência adicional” a nível de comunicação e emprego.

“É muito importante fazer sempre a pedagogia de que o elo de ligação a Portugal, que o domínio da língua, da história, da cultura de Portugal representa, não é alternativo à integração bem-sucedida nas sociedades de acolhimento, é complementar”, sustentou Augusto Santos Silva. Além disso, afirmou, “o bom domínio da língua portuguesa, da cultura e da história portuguesas” não se podem restringir apenas a uma “espécie de dever pessoal de ligação a um passado”.
Na sua intervenção perante coordenadores, professores e leitores da rede externa do Camões, I.P., o chefe da diplomacia portuguesa destacou “três dimensões complementares” relacionadas com o português: a ligação aos emigrantes, através do ensino de português no estrangeiro (EPE), o “principal traço de identidade e de ligação” entre os países que o têm como língua oficial e como um dos principais instrumentos da influência de Portugal a nível internacional.
Quanto ao ensino do português, destacou as três modalidades de intervenção desenvolvidas pelo Camões, I.P.: os cursos de português língua de herança tendo por público-alvo as comunidades e lusodescendentes, a formação dirigida aos países que têm o português como língua oficial e de escolarização e a internacionalização através do ensino do português língua estrangeira.
Augusto Santos Silva sublinhou que “não estamos a fazer progredir a presença do português como língua estrangeira nos currículos de diferentes países para substituir ou diminuir o ensino de português como língua de herança. Estamos a fazer as duas coisas ao mesmo tempo”.
O Ministro dos Negócios Estrangeiros enfatizou ainda que o português é “um dos três pilares essenciais” da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), salientando “o que circula através da língua: a cultura, a comunicação, a educação, a ciência, a economia, os negócios, a concertação política nas organizações internacionais”.
Augusto Santos Silva destacou ainda que o português “é um dos elementos, talvez o mais importante, da projeção internacional” de Portugal.
Na mesma sessão, a Presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., Ana Paula Laborinho, enalteceu o papel de “cada professor, cada leitor, cada coordenador, cada adjunto de coordenação” como embaixadores da língua e da cultura portuguesas.
Acrescentou que “assistimos a um significativo aumento do interesse pela língua portuguesa em várias regiões do mundo”.
A rede oficial de educação pré-escolar e dos ensinos básico e secundário contam com 312 professores em 11 países (Espanha, Andorra, França, Reino Unido, Luxemburgo, Bélgica, Holanda, Suíça, África do Sul, Namíbia e Suazilândia) e o Camões apoia mais 650 docentes nos Estados Unidos, Canadá, Venezuela e Austrália, abrangendo cerca de 70 mil alunos.
A rede do Camões no ensino superior e organizações internacionais encontra-se em 78 países, estando a crescer a sua presença em África (21 países), América Latina e América do Norte (12), Ásia e Oceânia (14) e Europa (31), reunindo mais de 90 mil estudantes.  

A ação de formação de 2017 teve como principal objetivo a reflexão sobre conceitos e práticas de ensino e aprendizagem do português em contextos multilingues, tendo em conta que esse é um dos principais desafios que se coloca aos nossos docentes na sua interação com os alunos. Trata-se de uma ocasião para partilha de experiências e mútuo conhecimento que permitirá valorizar o trabalho individual e construir redes cooperativas.   

I Simpósio das línguas espanhola e portuguesa no espaço ibero-americano num contexto de diversidade linguística

O "I Simpósio das línguas espanhola e portuguesa no espaço ibero-americano num contexto de diversidade linguística" teve lugar no dia 6 de junho, em Madrid, e contou com a presença do Ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, e da Presidente do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., Ana Paula Laborinho.
A Secretaria-Geral Ibero-Americana (SEGIB) organizou pela primeira vez este Simpósio com o objetivo de promover o desenvolvimento do bilinguismo na região. Académicos das duas línguas oficiais de 22 países, catedráticos, políticos e representantes culturais participarão em três sessões que colocarão em valor os dois idiomas.
A jornada contou, também, com apresentações musicais que serviram de ligação entre os diferentes painéis onde foram abordadas questões como a diversidade da comunidade ibero-americana e o bilinguismo e sua expressão cultural.
A Secretária-Geral Ibero-Americana, Rebeca Grynspan, inaugurou o Simpósio ao lado de altos representantes políticos de Portugal e Espanha.

         http://www.instituto-camoes.pt/en/institutional/communication/news-pt/18167-i-simposio-das-linguas-espanhola-e-portuguesa

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

EPE Espanha - Universidade de Granada - manifestação de interesse



                                                                                                                       

MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE
PROFESSOR DE ESTUDOS PORTUGUESES – UNIVERSIDADE DE GRANADA
Posto
 Professor em Estudos Portugueses
Faculdade
Faculdade de Filosofia e Letras e Faculdade de Tradução e Interpretação
Condições
Contrato a celebrar com a Universidade de Granada
Remuneração mensal ilíquida (prof. doutorado): 1.808,35 €
Remuneração mensal iliquída (prof. licenciado): 1.484,69 €
Data limite para receção de candidaturas
De 3 a 9 de agosto de 2017

DESCRIÇÃO GERAL

No âmbito de um Protocolo de Cooperação entre o Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., e a Universidade de Granada encontra-se aberta uma vaga para um Docente de Estudos Portugueses para exercer funções na Universidade de Granada, na Faculdade de Tradução e Interpretação, em acumulação com a Faculdade de Filosofia e Letras.
O Docente estará envolvido no ensino e divulgação da língua e cultura portuguesas na Universidade de Granada, nomeadamente nas áreas da língua, literaturas e culturas de expressão portuguesa.
O Docente terá funções letivas na área supra indicada e desenvolverá atividades de divulgação nas áreas da língua e cultura portuguesas no âmbito do funcionamento do do Departamento de Estudos Portugueses da Universidade de Granada.
PRINCIPAIS FUNÇÕES
§  Ensinar um máximo de 8 horas letivas por semana;
§  Ministrar 6 horas obrigatórias de tutorias semanais;
§  Colaborar na organização de atividades culturais promovidas pela área de Estudos Portugueses da Universidade de Granada;
§  Participar ativamente nas atividades académicas da Instituição.
PERFIL
§  Possuir uma Licenciatura ou Doutoramento na área de Estudos Portugueses;
§  Possuir competências didático-pedagógicas quer no âmbito do ensino da língua e cultura portuguesas quer no âmbito do acompanhamento de estudantes pós-graduados;
§  Experiência académica no ensino da língua e cultura portuguesas a nível do ensino superior, preferencialmente em contexto de aprendizagem do português como língua estrangeira;
§  Experiência ou Formação na área da Tradução e Interpretação;
§  Demonstrar competências de comunicação, interpessoais, organizacionais e capacidade de liderança;
§  Possuir o domínio comprovado da língua estrangeira de comunicação internacional com especial relevância no sistema de interação universitário do país (nível B2, ou superior, do Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas).

APRESENTAÇÃO DA MANIFESTAÇÃO DE INTERESSE

Não existe uma ficha de candidatura. Todas as candidaturas, via email, devem incluir:
  • Carta de apresentação e motivação;
  • Identificação do candidato (nome, data de nascimento, sexo, nacionalidade, número do bilhete de identidade/cartão de cidadão, número de identificação fiscal, residência, código postal, endereço eletrónico e contacto telefónico);
  • Curriculum Vitae atualizado e assinado;
  • Grau e título académico (documentos comprovativos);
  • Duas cartas de recomendação, atuais, (com referência ao nome, morada, email e telefone das pessoas que recomendam).
  • Documento comprovativo do domínio do nível B2 na língua espanhola.
  • As candidaturas deverão ser enviadas por email para: GRANADA2017@camoes.mne.pt 
SELEÇÃO
A seleção dos candidatos será feita por um painel composto por elementos do Camões, IP.
Os candidatos, com o perfil mais consentâneo com o lugar a preencher, serão submetidos a uma entrevista.

sexta-feira, 28 de julho de 2017

EPE Espanha e Andorra - 1ª MANIFESTAÇÃO DE PREFERÊNCIAS

1.ª Manifestação de Preferências e Lista de Candidatos em reserva de recrutamento

Procedimento concursal para constituição de reserva de recrutamento de pessoal docente do ensino português no estrangeiro, para o cargo do professor, compreendendo os níveis da educação pré-escolar, do ensino básico (1.º, 2.º, 3.º ciclos) e do ensino secundário.

1.ª Manifestação de Preferências

– Horários a Provimento – Ano letivo 2017/2018 e 2018 -


Notificam-se os candidatos constantes da lista ordenada de reserva de recrutamento que, no âmbito do procedimento concursal para constituição de reserva de recrutamento de pessoal docente do ensino português no estrangeiro, para o cargo do professor, compreendendo os níveis da educação pré-escolar, do ensino básico (1.º, 2.º, 3.º ciclos) e do ensino secundário, aberto pelo Aviso n.º 13639-A/2015, decorre a 1.ª manifestação de preferências para o ano letivo de 2017/2018 e 2018, durante 5 dias úteis, entre as 00h00m de 27 de julho e as 24h00 de 02 de agosto.
Os candidatos devem submeter as suas preferências por ordem decrescente para o seguinte email: professor2016@camoes.mne.pt