sexta-feira, 9 de março de 2018


EXPOSIÇÃO "A ARTE EM PORTUGAL 1850-1960"

A exposição "A arte em Portugal 1850-1960" conta com 42 obras de artistas como Adriano de Sousa, Francisco Metrass, Miguel Ângelo Lupi, João Vaz, Columbano Bordalho Pinheiro, entre outros. A exposição consiste numa seleção de obras provenientes do Museu Nacional de Arte Contemporânea-Museu do Chiado e da Casa Museu Anastácio Gongçalves de Lisboa. São obras de finais do século XIX e meados do século XX, acompanhadas de textos literários de autores como Abel Botelho, Santos Graça, Mário Cesariny e Pedro Oom, entre outros, que não só possuem um valor intrínseco, mas também ajudam a compreender melhor os diferentes movimentos artísticos e pictóricos.

"A arte em Portugal 1850-1960", constitui um marco artístico, a primeira exposição realizada em Andorra sobre artistas portugueses. Esta exposição pretende aproximar aos andorranos de origem português de um pedaço da sua terra, da sua cultura.

Em síntese, "A arte em Portugal 1850-1960" fornece a oportunidade de descobrir, através de uma cuidadosa seleção de obras, a arte portuguesa desde a segunda metade do século XIX até aos nossos dias. Uma seleção de obras que constituem um fondo museológico imprescindível para conhecer a história da arte portuguesa.



Sem comentários:

Enviar um comentário